PF prende mulher suspeita de integrar ‘quadrilha das etiquetas’ no Aeroporto de Guarulhos

Prática criminosa de troca de etiqueta é usada por organizações que atuam no tráfico internacional de drogas.

Vinícius Andrade

redacao@guarulhostododia.com.br

Divulgação/PF

Publicado em 06/06/2024 às 14:13 / Leia em 2 minutos

A Polícia Federal cumpriu, nesta quinta-feira (6), mandado de prisão contra uma mulher brasileira suspeita de integrar a quadrilha que trocava etiquetas no Aeroporto de Guarulhos. Segundo as investigações, ela participava da organização criminosa especializada em tráfico internacional de drogas por avião. O mandado de prisão foi expedido pela 6ª Vara Federal de Guarulhos.

Somente esta organização tem, no total, 17 pessoas presas. Entre eles, ex-funcionários de empresas que prestavam serviços a companhias aéreas e os donos da droga. “A mulher é a última integrante identificada da organização, que foi responsável pelo envio de uma mala ao exterior, no início de 2023, contendo 40 quilos de cocaína. Referida mala é a mesma que foi apreendida e resultou na prisão de duas brasileiras inocentes na Alemanha”, diz a PF, em nota.

Em março de 2023, as brasileiras Jeanne Paollini e Kátyna Baía foram presas na Alemanha após terem as malas trocadas por bagagem com droga. A troca aconteceu no Aeroporto Internacional de São Paulo, em Guarulhos. Elas ficaram presas injustamente durante 38 dias.

Prisões por troca de etiqueta de bagagem

Desde então, a Polícia Federal está mais atenta a esse tipo de crime em solo brasileiro. Além disso, os próprios passageiros também ficaram mais atentos. Tiram fotos e fazem vídeos das bagagens antes de despachar, personalizam os itens e colocam até rastreadores.

No dia 24 de abril deste ano, a Operação Destino Trocado cumpriu quatro mandados de prisão temporária contra funcionários que atuam na etiquetagem e movimentação de bagagens, a partir do check-in, e de uma mulher que foi vista entregando a mala com a droga aos envolvidos.

Além disso, outros sete mandados de busca e apreensão foram cumpridos aqui em Guarulhos e em São Paulo. Envolviam outros funcionários suspeitos e ainda um motorista de aplicativo.

O grupo entrou na mira da PF em fevereiro de 2024, quando uma mala contendo mais de 21 kg de cocaína foi apreendida no Aeroporto de Brasília. A bagagem tinha como destino Joanesburgo, na África do Sul.

Compartilhe

Siga o Guarulhos Todo Dia

Siga no Google News

Nomes nas urnas

Eleições 2024: partidos de Guarulhos começam a oficializar seus candidatos

LESÃO CORPORAL CULPOSA

Trânsito está mais violento em Guarulhos: Acidentes com feridos crescem 38% em um ano

ANTIGOS ADVERSÁRIOS

Eleições 2024: Elói Pietá (Solidariedade) terá Fran Corrêa (MDB) como candidata à vice

CHAPA DEFINIDA

Eleições 2024: Waldomiro Ramos (PSB) terá Claudia Papotto como candidata à vice

ENTENDA O CASO

Jardim Álamo protesta contra mudanças na rodovia Presidente Dutra

Quem vota na cidade

Conheça o perfil dos eleitores de Guarulhos que vão votar este ano

IMAGENS FORTES

Polícia investiga “homicídio com dolo eventual” em acidente na Timóteo Penteado

O preço tá bom?

Feijoada vai bem nesse frio? Então não esqueça da couve manteiga. O preço está bom.

PREVISÃO DA SEMANA

Tempo fica estável em Guarulhos nesta semana: nublado, friozinho e sem chuva

Chapa fechada

Eleições 2024: Lucas Sanches (PL) terá Thiago Surfista (Novo) como candidato a vice

AGENDA GUARULHOS

Festa julina do Bosque Maia vai até dia 21; confira preços das atrações e comidas

REMÉDIO DE GRAÇA

Farmácia Popular em Guarulhos: Veja a lista de medicamentos atualizada