Água parada! Laje alagada de prédio do Governo de SP preocupa funcionários

Fotos publicadas pelo Sindicato dos Servidores do Sistema Prisional de São Paulo (Sifuspesp) mostram teto de prédio alagado em Santana. Em nota, secretaria informou que tem escoado a água parada.

Vinícius Andrade

redacao@guarulhostododia.com.br

Divulgação/Sifuspesp

Publicado em 07/06/2024 às 19:33 / Leia em 2 minutos

Um prédio usado pela Secretaria de Administração Penitenciária (SAP), na Avenida General Ataliba Leonel – 556, na zona norte paulistana, ficou com a laje totalmente alagada nesta primeira semana de junho. O acúmulo de água parada no teto do edifício usado por um órgão do Governo de São Paulo causou preocupação entre funcionários que trabalham no endereço, afinal o país inteiro enfrenta uma grave epidemia de dengue. O estado já registrou mais de 1,4 milhão de casos e tem 1.025 mortes pela doença confirmadas neste ano.

Fotos publicadas pelo Sindicato dos Servidores do Sistema Prisional de São Paulo (Sifuspesp) nesta sexta-feira (7) mostram o telhado do local onde funciona o Departamento de Controle e Execução Penal (DCEP) totalmente alagado. O espaço, que fica no bairro de Santana, corria o risco de virar um grande criadouro do mosquito Aedes aegypti, transmissor da dengue. Segundo o sindicato, o registro foi feito no dia 1º de junho, sábado passado.

“O Sindicato se preocupa com esse tipo de situação porque centenas de servidores circulam por lá diariamente. No local funcionam setores da administração da SAP. Ao mesmo tempo, é uma vergonha saber que uma secretaria de governo não está fazendo a sua parte e cuidando do seu próprio espaço”.

Fábio Jabá, presidente do Sifuspesp

O sindicato dos servidores que atuam no sistema prisional informou que vai encaminhar ofícios à Prefeitura de São Paulo, ao Ministério Público e à Assembleia Legislativa sobre a situação.

O que diz a Secretaria de Administração Penitenciária

O Guarulhos Todo Dia entrou em contato com a SAP. Segundo a secretaria, essa água começou a ser escoada na segunda-feira, 3 de junho. Ainda de acordo com o órgão, o local ficou daquele jeito por causa das chuvas que atingiram a região metropolitana de São Paulo no fim de maio.

“A Secretaria da Administração Penitenciária informa que, desde o último dia 3, o setor de manutenção da Pasta, em conjunto o Departamento de Engenharia, tem escoado a água retida na laje da edificação. O problema se deu após as fortes chuvas do final de semana passado.”

Nota oficial da SAP

LEIA TAMBÉM -> Dengue: 19 bairros de Guarulhos receberão visitas de agentes

Compartilhe

Siga o Guarulhos Todo Dia

Siga no Google News

Nomes nas urnas

Eleições 2024: partidos de Guarulhos começam a oficializar seus candidatos

LESÃO CORPORAL CULPOSA

Trânsito está mais violento em Guarulhos: Acidentes com feridos crescem 38% em um ano

ANTIGOS ADVERSÁRIOS

Eleições 2024: Elói Pietá (Solidariedade) terá Fran Corrêa (MDB) como candidata à vice

CHAPA DEFINIDA

Eleições 2024: Waldomiro Ramos (PSB) terá Claudia Papotto como candidata à vice

ENTENDA O CASO

Jardim Álamo protesta contra mudanças na rodovia Presidente Dutra

Quem vota na cidade

Conheça o perfil dos eleitores de Guarulhos que vão votar este ano

IMAGENS FORTES

Polícia investiga “homicídio com dolo eventual” em acidente na Timóteo Penteado

O preço tá bom?

Feijoada vai bem nesse frio? Então não esqueça da couve manteiga. O preço está bom.

PREVISÃO DA SEMANA

Tempo fica estável em Guarulhos nesta semana: nublado, friozinho e sem chuva

DROGAS INGERIDAS

Cresce o número de prisões de “mulas” do tráfico no Aeroporto de Guarulhos

Chapa fechada

Eleições 2024: Lucas Sanches (PL) terá Thiago Surfista (Novo) como candidato a vice

AGENDA GUARULHOS

Festa julina do Bosque Maia vai até dia 21; confira preços das atrações e comidas